SP-Arte 2018

SP-Arte 2018

SP-Arte 2018

SP-Arte 2018

 

De 12 a 15 de abril acontece em São Paulo a 14ª edição da SP-Arte, que traz à capital paulista, o melhor da arte moderna e contemporânea. O festival está aberto ao público, no pavilhão da Bienal, no Parque Ibirapuera. São mais de 140 expositores, expoentes do mercado nacional e internacional. Das 34 galerias internacionais que participam do evento, 13 são novatas e apresentam alguns de seus artistas mais notáveis. O evento agrega uma série de mostras paralelas e complementares, com visitas guiadas que saem a cada meia hora do balcão na entrada do Pavilhão. Entre os trabalhos expostos, o público poderá conferir os projetos “Solo e Repertório”, com a curadoria de Luiza Teixeira de Freitas. Os espaços foram concebidos com o objetivo de evidenciar a produção de importantes nomes do cenário contemporâneo. Programa imperdível para quem estiver em São Paulo, no final de semana.
Tempo da Delicadeza fez suas escolhas, e indica o que considera essencial para ser visto na SP-Arte 2018. Confira:

 

SP-Arte 2018
Anish Kapoor – Shadow III 7 – Técnica: Gravura em metal – © ArtEEdições Galeria

 

SP-Arte 2018
Marina Weffort –  da série “Tecidos”  © Pat Kilgore / Cavalo

 

SP-Arte 2018
Marina Weffort – da série “Tecidos” © Pat Kilgore / Cavalo

 

SP-Arte 2018
João José Costa – Galeria Berenice Arvani – Técnica: Guache sobre cartão – © Galeria Berenice Arvani

 

SP-Arte 2018
João José Costa – Galeria Berenice Arvani – Técnica: Guache sobre cartão – © Galeria Berenice Arvani

 

Steve McCurry – Galeria de Babel – Título: Tempestade de Areia (Rajasthan, India) Data do trabalho: 1983. Técnica: C-print digital no papel Fuji Flex Crystal Archive adesivado em ACM (aluminio composto). Moldura em folha de madeira tratada de nogueira e vidro anti-reflexo alemão 99% proteção Dimensões: 55,3 x 36,7 x 7 cm :copyright: Steve McCurry / Galeria de Babel

 

Steve McCurry – Vendedor de Flores em Dal Lake (Jammu e Kashmir. Srinagar, India) Steve McCurry – :copyright: Steve McCurry / Galeria de Babel – Técnica: C-print digital no papel Fuji Flex Crystal Archive adesivado em ACM (aluminio composto). Moldura em folha de madeira tratada de nogueira e vidro anti-reflexo alemão 70% proteção.

 

Steve McCurry – Título: Menina Afegã com Xale Verde. Data do trabalho: 2002. Técnica: C-print digital no papel Fuji Flex Crystal Archive adesivado em ACM (aluminio composto). Moldura em folha de madeira tratada de nogueira e vidro anti-reflexo alemão 70% proteção – :copyright: Steve McCurry / Galeria de Babel

 

SP-Arte 2018
Ted Larsen – Privateview Ted Larsen – Técnica: Ferro, compensado marítimo, :copyright: Privateview

 

SP-Arte 2018
Martin Derner – Kubikgallery, :copyright: Constança Babo / Kubikgallery

 

Pixinguinha
Walter Firmo – Galeria Mario Cohen – Título: Pixinguinha I. Data do trabalho: 1964 Técnica: Impressão digital em papel de algodão, :copyright: Galeria Mario Cohen.

 

SP-Arte 2018
Andrei Thomaz – Adelina Galeria  – Título: Céus -Técnica: Fotografia :copyright: Andrei Thomaz / Adelina Galeria

 

SP-Arte 2018
Marília Bianchini – Galeria de Arte Mamute – Título: Revoada Data do trabalho: 2017 Técnica: Fotografia com impressão sobre papel artesanal – © Galeria de Arte Mamute

 

Volpi
Alfredo Volpi – Dan Galeria Alfredo Volpi Título: Velas e mastros Data do trabalho: 1970 Técnica: Têmpera sobre tela Dimensões: 137 x 68 cm :copyright: Dan Galeria

 

SP-Arte 2018
Luzia Simons – Bolsa de Arte de Porto Alegre Luzia Simons. Título: Stockage 128 – Técnica: Scanograma, impressão light jet, metacrilato – © Bolsa de Arte de Porto Alegre

 

SP-Arte 2018
Adriano de Aquino – OÁ Galeria – Técnica: Poliuretano uretano sobre alumínio – © Bruno Coelho / OÁ Galeria

 

SP-Arte 2018
Luiz Sacilotto – Dan Galeria – Título: C 9991- Técnica: Tinta acrílica sobre tela – © Dan Galeria

 

SP-Arte 2018
Vik Muniz – Galeria Nara Roesler – The Abaporu, after Tarsila – Técnica: Impressão de pigmento sobre papel de algodão – © Vik Muniz / Galeria Nara Roesler

 

SP-Arte 2018
Josef Albers – :copyright: The Josef and Anni Albers Foundation / Artists Rights Society (ARS), New York. Courtesy David Zwirner, New York/London/Hong Kong

 

SP-Arte 2018
Fernanda Fragateiro – Técnica: Carderno acrílico ,© António Jorge Silva. Courtesy of the artist and the Galería Elba Benítez.

 

 Núcleo editorial:

 

SP-Arte 2018
Betina Samaia – Editora Madalena – Título: Noite afora noite adentro – Data do trabalho: 2017 Fotolivro :copyright: Editora Madalena

 

SP-Arte 2018
Adriana Varejão, Lilia Moritz Schwarcz – Título: Pérola Imperfeita: A história e as histórias na obra de Adriana Varejão :copyright: Cobogó

 

SP-Arte 2018
Marcelo Brodsky – Editora Madalena -Título: 1968: The fire of ideas – Data do trabalho: 2017 Fotolivro © Editora Madalena

 

SP-Arte 2018
Sebastião Salgado – Taschen – Título: Gênesis. Data do trabalho: 2013 Fotolivro © Taschen

 

SP-Arte 2018
Yoko Ono e John Lennon – Desapê Yoko Ono e John Lennon Título: This is not here Data: 1971 Publicação de artista Dimensões: 55.5 x 43 cm © Rose Steinmetz / Desapê

 

Design:

Os mais destacados expositores do mobiliário brasileiro dividem espaço com respeitados antiquários e designers independentes. “O mobiliário moderno brasileiro é referência no mundo inteiro. Hoje, nossos designers contemporâneos também vêm criando uma produção cheia de personalidade que é reconhecida internacionalmente. Queremos então, reunir todo esse potencial do design brasileiro ao Festival: seja ele antigo, moderno ou contemporâneo, produzido em maior ou menor escala e das mais diversas vertentes”, afirma Fernanda Feitosa, diretora da SP-Arte. Os estandes do setor apresentam luminárias, peças de tapeçaria, além de mobiliário moderno e contemporâneo. Tudo disposto em um ambiente que convida o público a ter um contato próximo com as peças e interagir com os criadores.

 

SP-Arte 2018
Paulo Alves – Estúdio Paulo Alves – Peça: Chaise Sereia Data do trabalho: 2005 – Materiais: Compensado multilaminado de sumaúma – Dimensões: 75 cm x 1,77 m x 54 cm © Estúdio Paulo Alves

 

SP-Arte 2018
Paulo Alves – Estúdio Paulo Alves – Poltrona Bombom – Data do trabalho: 2017 Materiais: Madeira e tecido Dimensões: 60 x 60 x 60 cm :copyright: Estúdio Paulo Alves

 

SP-Arte 2018
Hugo França – Hugo França – Peça: Cadeira Leza. Data do trabalho: 2017 – Materiais: Madeira Pequi Dimensões: 64 x 49 x 46 cm :copyright: André Godoy / Hugo França

 

SP-Arte 2018
Ana Neute por Itens – Peça: Shanghai Data do trabalho: 2016 – Luminária em cobre escovado e branco microtextura. Dimensões: 60 x 40 x 40 cm :copyright: Nicolas Camargo / Ana Neute por Itens

 

SP-Arte 2018
Ana Neute por Itens – Jabuticaba. Data do trabalho: 2016. Materiais: Luminária em latão escovado e globos em vidro Dimensões: 25 x 170 x 25 cm :copyright: Nicolas Camargo / Ana Neute por Itens

 

SP-Arte 2018
Jacqueline Terpins – Peças: Vaso Glacial I + Vaso Glacial II Data do trabalho: 2018 Materiais: Cristal Soprado Free Form Dimensões: 45 x 30 x 17,5 (maior) e 19 x 9 x 8 (menor) © Andrés Otero / Jacqueline Terpins

 

SP-Arte 2018
Jacqueline Terpins – Peça: Vaso Corte Data do trabalho: 2018 Materiais: Cristal Soprado Free Form. Dimensões: 42 x 17 x 15 cm :copyright: Andrés Otero / Jacqueline Terpins

 

Sp-Arte/2018
12 a 15 de abril
13h às 21h
Pavilhão da Bienal, Parque Ibirapuera, Portão 3
São Paulo – Brasil

Siga-nos:

pinterest facebook1 instagram2 twitter

 
Entrada: R$ 45,00 (geral), R$ 20,00 (meia proporcional) – estudantes, portadores de deficiência e idosos com mais de 60 anos – necessário a apresentação de documentos.
O Vale-Cultural poderá ser utilizado para o abatimento de 50% do valor do ingresso. Crianças de até 10 anos não pagam.

 

DW! Design Weekend 2017

DW! Design Weekend 2017

De 09 a 13 de agosto acontece em São Paulo a 6ª edição do DW! Design Weekend, um festival urbano que tem o objetivo de promover a cultura do design e suas conexões com a arquitetura, arte, decoração, urbanismo, inclusão social, negócios e inovação tecnológica, com a curadoria dos jornalistas Simões Neto e Regina Galvão.
Mostras, palestras, talks, oficinas, instalações e exposições de design invadem e conquistam São Paulo.

O DW! se consolidou como o maior festival de design urbano da América Latina e está entre os cinco maiores do mundo. Mais de 300 eventos acontecem simultaneamente na capital paulista, movimentando mais de 200 profissionais em 120 espaços diferentes.

O DW! é dividido por eventos que acontecem em locais estratégicos da cidade:
os Distritos. Concentram o maior número de atividades em lojas da Alameda Gabriel Monteiro da Silva, D&D Shopping, Jardins, Paulista, Pinheiros, Vila Madalena e Tatuapé.

O D&D Shopping sedia uma exposição de 48 peças vindas do MoMa (Museu de Arte Moderna de New York). Dentre as peças expostas, destacam-se a Poltrona Mole, criada em 1957, pelo designer Sérgio Rodrigues e a cadeira Barcelona, de 1929, desenhada por Lily Reich e Ludwig Mies van der Rohe.

As escolas de design e arquitetura também estão participando da DW!
Vários eventos acontecem no Istituto Europeo di Design, na EBAC (Escola Britânica de Artes Criativas), no Centro Universitário Belas Artes e na Escola Panamericana.

Em Pinheiros acontece a Feira Rosenbaum, com criações de 32 designers e artistas. A Vila Madalena se dedica a intervenções artísticas, o que é a cara do bairro. E no Tatuapé acontecem palestras, exposições e instalações.

Modernos Eternos é um dos eventos âncora do DW! São Paulo Design Weekend.
A mostra mistura design contemporâneo com peças vintage e de antiquário.Tudo está à venda, nesta Mostra Boutique, que está localizada no terceiro piso do Shopping Cidade Jardim.
Confira alguns destaques da DW! Design Weekend 2017:

Mostra Modernos Eternos

DW! Design Weekend 2017
Paola Ribeiro

DW! Design Weekend 2017
David Bastos

DW! Design Weekend 2017
David Bastos

DW! Design Weekend 2017
Mestisso Arquitetura

DW! Design Weekend 2017 Mestisso Arquitetura

DW! Design Weekend 2017
In House

By Kamy

A marca traz a exposição coletiva “Alquimia”, protagonizada pelos artistas Lin Le Cheng, Patrícia Kattan, Walter Goldfarb e Marcelo Borges, em comemoração aos 30 anos de história e trajetória da empresa. A mostra, que conta com mais de 60 obras inéditas, tem curadoria da arquiteta e designer têxtil Francesca Alzati.

DW! Design Weekend 2017

Érea

A empresa apresenta uma coleção de móveis em linhas retas em madeira de pau-ferro com acabamentos bronze envelhecido e dourado.

DW! Design Weekend 2017

Firma Casa

DW! Design Weekend 2017
Lancamento da Poltrona Juddy

Interbagno

A artista plástica Aureah Lima faz intervenções no showroom da empresa, que é referência no segmento de produtos e soluções para projetos de banheiro.

DW! Design Weekend 2017
Imagem: Carlos Mancini

Líder Interiores

O showroom da marca mineira ganha cenografia do escritório Play Arquitetura, de Belo Horizonte.

DW! Design Weekend 2017

Marché Art De Vie

Convidou alguns arquitetos e designers para lançarem seus olhares sobre as questões, as inquietações e as surpresas que o futuro reserva na exposição “Para onde o mundo está indo?”. A mostra reúne fotos, instalações e experiências virtuais fazendo com que os visitantes embarquem em uma viagem futurista. Entre os convidados, está o arquiteto Jayme Bernardo.

DW! Design Weekend 2017

DW! Design Weekend 2017

Ornare

A empresa, referência em armários e móveis de alto padrão e as embaixadoras da Associação de Resgate à Cidadania por Amor à Humanidade (Arcah) convidaram importantes artistas plásticos e designers a desenvolverem obra de arte em superfície de madeira de 60 cm em formato de coração. As peças estão sendo vendidas para arrecadar fundos à associação de moradores de rua.

DW! Design Weekend 2017

DW! Design Weekend 2017

DW! Design Weekend 2017
“About Love Arcah”, por Alemão
DW! Design Weekend 2017
“About Love Arcah”, por Nove Digital Estúdio

 

Punto e Filo

Lançou novos modelos desenhados por Alfredo Barbosa de Oliveira que se inspirou em Sonia Delaunay e Piet Mondrian.

DW! Design Weekend 2017

O Projeto Innovasion SP se baseia nos conceitos de invasão e inovação. Invadir no sentido de ocupar espaços de forma temporária e “inovar” por meio da arte e do design. Para conceituar a proposta, o consagrado designer Marko Brajovic assina a instalação na House of Innovasion, localizada na Alameda Gabriel, uma estrutura aérea tridimensional confeccionada com cordas náuticas.

DW! Design Weekend 2017

Tidelli

Presente no Projeto Innovaion e em parceria com o arquiteto e designer Marko Brajovic, a empresa realiza a Wave Tidelli.

Tidelli -Cadeira Amado em Corda por Alfio Lisi

Tidelli

Tidelli

A lot of

O designer Pedro Franco exibe peças de sua carreira para ilustrar o percurso feito por ele entre o conceitual e o comercial.

a lot of brasil

Ibiza

A Villa Ibiza apresenta em seu espaço a exposição “Outros Olhares para o Revestir”, na qual os profissionais criam intervenções variadas, da fachada ao interior da loja.

Villa Ibiza

DW! Design Weekend 2017

DW! Design Weekend 2017

Teo

Homenageia Percival Lafer, arquiteto e designer que marcou o segmento moveleiro no Brasil, por meio da exposição de peças do acervo da loja e do artista. Em oposição à produção artesanal e ao consumo elitista de mobiliário dos anos 60, a obra de Lafer adquiriu relevância por seu caráter moderno, por sua qualidade e por facilitar o acesso às peças de design.

Teo

Teo

Codex Home

Destaque para a instalação assinada pelo arquiteto Osvaldo Tenório, que expõe fotos do acervo profissional de Beto Riginik, que comemora 21 anos de carreira. Uma linha cor de rosa, demarca o caminho que deve ser seguido até a exposição de fotografias. “A escolha do tom rosa tem relação com as fotos de Beto que apresentam nuances desta cor.”, afirma Tenório.

Pranchas

Dpot

Jader Almeida

A exposição “Cadeira Bossa: Edição Especial 10 anos”, celebra uma década do móvel desenhado por Jader Almeida. São três modelos de madeira maciça, fabricados pela Sollos, em diferentes acabamentos, limitados a 300 unidades. Numerada e assinada pelo designer, a série conta ainda com uma exclusiva medalha dourada. A marca também lançou miniaturas da cadeira para comercialização e quadros com croquis da peça, dedicados aos fãs da cadeira.

Cadeira Bossa- Jader Almeida

Zanini de Zanine

O designer apresenta a poltrona Serfa Plus, durante a semana de design. A peça é feita com tamari, filete em metal e couro. Acompanha uma banqueta para apoio dos pés.

 

Zanini de Zanine - Poltrona Serfa

 Zanini - Poltrona Serfa Plus

 

Especial CASACOR São Paulo 2017

 

CASACOR São Paulo 2017

 

CASACOR SP a maior e mais completa mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo das Américas, abriu as portas para o público, no último dia 30 de maio e recebe visitantes até o dia 23 de julho.  O evento reúne, anualmente, renomados arquitetos, decoradores e paisagistas.

O tema escolhido para 2017 é “Foco no Essencial”. O objetivo é apresentar o imprescindível e aproximar o design das pessoas. A premissa é traduzida nas linhas retas e curvas, dispensando todo e qualquer tipo de excesso.
Confira abaixo, outros ambientes da CASACOR SP 2017:

Jayme Bernardo – Espaço Baccarat
Imagens: Evelyn Müller

Jayme Bernardo – Espaço Baccarat

As peças da Baccarat são as protagonistas do espaço assinado pelo arquiteto. As paredes foram revestidas em madeira ebanizada, dando um tom sóbrio e elegante ao ambiente, valorizando ainda mais os cristais da marca francesa.

Jayme Bernardo – Espaço Baccarat

 

Jayme Bernardo – Espaço Baccarat

 

Jayme Bernardo – Espaço Baccarat

 

Léo Shehtman – Casa Contraste

Léo Shehtman sempre apresenta espaços ousados e de vanguarda na CASACOR, mas nesta edição, expôs um ambiente minimalista em preto e branco.
O arquiteto foi inspirado pelo princípio da filosofia chinesa do Yin e Yang, que descreve a dualidade de duas energias opostas mas complementares.
Destaque para as fotografias em preto e branco, que têm substituído as obras de arte tradicionais nas casas contemporâneas e para as belas esculturas em mármore.

Léo Shehtman - Casa Contraste

 

Léo Shehtman - Casa Contraste

 

Léo Shehtman - Casa Contraste

 

Bruno Carvalho – Estúdio Tempo Bruno Carvalho

O arquiteto homenageia o tempo em seu ambiente na CASACOR. O projeto apresenta tendências internacionais, como os móveis de linha curva e os lustres e arandelas em Murano. Destaque para o díptico de Flávia K.

 

Estúdio Tempo - Bruno Carvalho

 

Estúdio Tempo by Bruno Carvalho

 

Estúdio Tempo by Bruno Carvalho

 

Estúdio Tempo by Bruno Carvalho

 

Estúdio Tempo by Bruno Carvalho

 

Estúdio Tempo by Bruno Carvalho

 

242 Studio – Restaurante Badebec

O Restaurante Badebec, foi inspirados nos restaurantes franceses das décadas de 50 a 70, e apresenta uma decoração retrô chique. Destaque para os banheiros que ganharam revestimento de porcelanato e pedras naturais da Versace.

 

242 Studio - Restaurante Badebec

 

242 Studio - Restaurante Badebec

 

242 Studio - Restaurante Badebec

 

242 Studio - Restaurante Badebec

 

Marcos Caracho – Bar do Jardim

Em seu primeiro trabalho para a Casa Cor, o arquiteto privilegiou o mobiliário italiano e a luz natural que invade o Bar do Jardim, no Jockey Club de São Paulo. Pensou também nos visitantes portadores de necessidades especiais, favorecendo a integração de assentos adaptados para diferentes usuários.

 

Marcos Caracho - Bar do Jardim

 

Marcos Caracho - Bar do Jardim

 

Marcos Caracho - Bar do Jardim

 

Marcos Caracho - Bar do Jardim

 

Marcos Caracho - Bar do Jardim

 

Marcos Caracho - Bar do Jardim

 

Marcos Caracho - Bar do Jardim

 

Marcos Caracho - Bar do Jardim

 

Marcos Caracho - Bar do Jardim

 

Marcos Caracho - Bar do Jardim

 

Marília Veiga – Estúdio do Curador de Arte

A arquiteta transformou o espaço de 100m², divididos entre galeria, living e curadoria, em um local sofisticado, atemporal e rico em referências contemporâneas para receber seus convidados como se estivesse na casa de um profissional. Tons de azul e cinza definem o living, onde o destaque fica por conta da estante modular com nichos em ângulos, desenhada por Marília.

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Marília Veiga - Estúdio do Curador de Arte

 

Érica Salguero – Cozinha Industrial

Paredes de cimento queimado, canos de PVC e outros elementos evidenciam o estilo industrial. A cartela de cores é simplificada, em preto, branco, cinza e tons da madeira de demolição. A horta na ilha central acrescenta um toque de frescor ao espaço.

 

Érica Salguero - Cozinha Industrial
Imagens – Denilson Machado

 

Érica Salguero - Cozinha Industrial

 

Érica Salguero - Cozinha Industrial

 

Érica Salguero - Cozinha Industrial

 

Érica Salguero - Cozinha Industrial

 

Érica Salguero - Cozinha Industrial

 

David Bastos – Experiência Ornare

O quarto de casal foi combinado à área de vestir, para criar um lugar de convivência. A paleta de cores é aconchegante, a iluminação é branda. O closet vem aquecido pelos painéis em couro e pelo piso de carpete.

 

David Bastos - Ornare

 

David Bastos - Ornare

 

David Bastos - Ornare

 

David Bastos - Ornare

 

David Bastos - Ornare

 

David Bastos - Ornare

 

David Bastos - Ornare

 

David Bastos - Ornare

 

David Bastos - Ornare

 

Alex Hanazaki – Jardim Deca

Produtos da marca adquiriram novos significados e transformaram-se em  elementos esculturais, como chuveiros que se tornam cascatas. Vinte oliveiras adultas sombreiam o espaço, emoldurado por espelhos d’água com seixos importados da Indonésia.

 

Alex Hanazaki - Jardim Deca

 

Alex Hanazaki - Jardim Deca

 

Alex Hanazaki - Jardim Deca

 

Alex Hanazaki - Jardim Deca

 

Alex Hanazaki - Jardim Deca

 

Alex Hanazaki - Jardim Deca

 

Alex Hanazaki - Jardim Deca

 

Alex Hanazaki - Jardim Deca

 

Alex Hanazaki - Jardim Deca

 

Alex Hanazaki - Jardim Deca

 

Cabana Branca – Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

O hall dos apartamentos foi convertido nesta cabana de 30 m², com a madeira dando vida às paredes, ao piso e às vigas no teto. Objetos carregados de história preenchem o lugar, desde móveis de antiquário até fotografias e potiches chineses pintados à mão.

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo
Imagens: Fran Parente

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

By Gustavo Paschoalim e Paulo Azevedo

 

Studio 11 – Loft SP

 

Com 112 m² e dois pavimentos, o ambiente é revestido em carvalho americano. Destaque para o quarto integrado ao living.

 

Studio 11 - Loft SP
Imagens: Fran Parente

 

Studio 11 - Loft SP

 

Studio 11 - Loft SP

 

Studio 11 - Loft SP

 

Studio 11 - Loft SP

 

Studio 11 - Loft SP

 

Studio 11 - Loft SP

 

Studio 11 - Loft SP

 

Loft do Designer – Adriana Helu, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo

Um olhar na simplicidade sofisticada do design escandinavo. O projeto ao dispensar excessos, fica mais acolhedor.

 

Loft do Designer - Adriana Helu, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo
Imagens: Fran Parente

 

Loft do Designer - Adriana Helu, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo

 

Loft do Designer - Adriana Helu, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo

 

Loft do Designer - Adriana Helu, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo

 

CASACOLoft do Designer - Adriana Helu, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo

 

Loft do Designer - Adriana Helu, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo

 

CASACORLoft do Designer - Adriana Helu, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo

 

Mauro Cortesini  – Jardim do Espaço Bossa

O jardim conecta três espaços e se ajusta de acordo com cada um. Como em um jardim francês, investe em vasos com topiarias mas também equilibra força e delicadeza nas floreiras de aço corten. Louro e viburno foram algumas espécies escolhidas, mas as jabuticabeiras também marcam presença.

 

Mauro Cortesini - Jardim do Espaço Bossa

 

Mauro Cortesini - Jardim do Espaço Bossa

 

Mauro Cortesini - Jardim do Espaço Bossa

 

Mauro Cortesini - Jardim do Espaço Bossa

 

Mauro Cortesini - Jardim do Espaço Bossa

 

Mauro Cortesini - Jardim do Espaço Bossa

 

Mauro Cortesini - Jardim do Espaço Bossa

 

CASACOR SP 2017
de 23 de maio a 23 de julho
Terça a domingo, das 12h às 21 h
Jockey Club de São Paulo – Avenida Lineu de Paula Machado, 1075 – Cidade Jardim – SP

 

Salvar

Salvar

Palácio Tangará – um oásis em São Paulo

 

Palácio Tangará

Inaugurado em São Paulo no último mês, o primeiro Hotel 6 Estrelas da capital paulista, o Palácio Tangará. Ao adentrar os portões, você ingressará em um mundo de glamour, cercado de belos jardins tropicais, que contrasta com o ritmo frenético de São Paulo, uma das mais vibrantes metrópoles do mundo.

No final da década de 40, o milionário italo-brasileiro, Baby Pignatary ficou famoso por cortejar mulheres fascinantes, enviando-lhes aviões carregados de flores ou colares de diamantes.

Em um gesto de extremo romantismo, Baby mandou construir o Tangará para a sua bela esposa, Nelita Alves de Lima. Com o tempo, o espaço foi abandonado e tornou-se obsoleto.

Palácio Tangará

Destino perfeito para a Oetker Collection cravar sua bandeira no Brasil. Sua coleção de hotéis, abriga alguns dos mais exclusivos endereços no Velho Continente, como o L’Apogée Courchevel, o Le Bristol Paris e o Hôtel du Cap-Eden-Roc.

A revitalização do Palácio Tangará ficou sob responsabilidade dos escritórios B+H Architects, PAR Arquitetura e Bick Simonato.

A arquiteta Patricia Anastassiadis, com  amplo know how em hotelaria, assina os interiores das áreas comuns e sociais do hotel – lobby, bar, spa, restaurante e salões de eventos. Inspirou-se nos documentos naturalistas, como os pintados por Debret, Eckhout e Rugendas, mas fugiu das obviedades e alegorias folclóricas.

Anastassiadis encapsulou as paredes em delicadas boiseries de baixo relevo, acentuando uma certa leveza ao que poderia ser opulento demais. Revestiu o piso com mármore e parquet francês em estilo chevron. Em cima de tudo, o recorte côncavo no teto criou uma espécie de domus para abrigar o trabalho de folhas de ouro da artista Laura Vinci, o Lux Capela.

Sobre bases sofisticadas, se destaca um tapete de 200 metros quadrados, desenhado pela profissional e executado na Índia. O mobiliário é quase 100% autoral. Poltronas, sofás e cadeiras Art Déco, Art Nouveau e orientais, feitas sob medida para o hotel .

As experiências gastronômicas são capitaneadas pelo renomado Chef Jean-Georges Vongerichten. O hotel conta com um restaurante gourmet, uma mesa do chef, uma sala privativa, uma adega de vinhos, um bar e um bar lounge no lobby, todos com terraços externos.
Confira abaixo imagens do Palácio Tangará, o hotel mais elegante de São Paulo:

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará
Lobby bar e Restaurante

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará
Flora Spa by Sisley

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará
By Bick Simonato. Imagen: Romulo Fialdini
Palácio Tangará
By Bick Simonato. Imagen: Romulo Fialdini
Palácio Tangará
By Bick Simonato. Imagen: Romulo Fialdini

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará
A natureza em fotos na parede do Burle Bar

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará
Restaurante “TANGARA JEAN-GEORGES”
Palácio Tangará
Imensas portas francesas

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará
Jean-Georges Vongerichten, o poderoso chef três estrelas Michelin é quem capitanea a cozinha do Tangará

Palácio Tangará

Palácio Tangará

Hotel Tangará - SP

Palácio Tangará
Tangará – Pássaro sul-americano que tinge a fauna brasileira em revoadas furta-cor, empresta o nome ao Hotel.

 
Siga Tempo no Delicadeza no Instagram. Basta clicar sobre o ícone abaixo:
instagram

Imagens: Ruy Teixeira e Romulo Fialdini

 

 

13ª SP – Arte

13ª SP-Arte
Victor Brecheret – Ricardo Camargo Galeria – Maquete do Monumento às Bandeiras

 

13ª SP-Arte
Ruy Teixeira – Fotografia Teatro Popular de Niterói

 

Acontece em São Paulo de 06 a 09 de abril, a 13ª SP-Arte, um dos mais importantes eventos do mercado global de artes. Consagradas galerias trazem para a cidade mais de 2000 artistas do Brasil e do mundo. O evento se consolida como um aglutinador de tendências no cenário contemporâneo e fortalece o mercado criativo do país.

O festival espalha-se por toda a capital paulista e envolve museus, galerias e instituições, movimentando São Paulo, além do espaço de exposições da Bienal. Performances, palestras e lançamentos editoriais promovem o intercâmbio entre o público e profissionais da arte contemporânea.

Pelo segundo ano a mostra apresenta um espaço reservado ao design. A segunda edição do setor cresceu e abriga 25 galerias que voltam-se, sobretudo, ao design autoral brasileiro.
Confira alguns destaques da 13ª SP-Arte:

 

13ª SP-Arte
Ryoji Ikeda

 

13ª SP-Arte
Paulo Pasta – Carbono Galeria

 

13ª SP-Arte
Dan Flavin – David Zwirner

 

13ª SP-Arte
Fernanda Fragateiro – Galería Elba Benítez

 

13ª SP-Arte
Josef Albers – David Zwirner

 

13ª SP-Arte
Julien Porisse – Galeria Rabieh

 

13ª SP-Arte
Anish Kappor – Arteedições

 

13ª SP-Arte
Alfredo Volpi – Hilda Araújo Escritório de Arte

 

13ª SP-Arte
Helì Gomez – Belas Artes

 

13ª SP-Arte
Rafaela Delbon – High Low Chair – Belas Artes

 

13ª SP-Arte
Rodrigo Simão – Cadeira de balanço feijão

 

13ª SP-Arte
Joaquim Tenreiro – Passado Composto Século XX

 

13ª SP-Arte
Sergio Rodrigues

 

13ª SP-Arte
Luciana Martins e Gerson de Oliveira – Poltrona PARALELAS – Ovo

 

13ª SP-Arte
Joaquim Tenreiro – Poltrona em veludo e jacarandá

 

13ª SP-Arte
Jacques Douchez – Tapeçaria em lã

 

13ª SP-Arte
Joaquim Tenreiro

 

13ª SP-Arte
Carlos Borsa

 

13ª SP-Arte
Janaina Tschäpe

 

13ª SP-Arte
Carolina Martinez – Portas Vilaseca

 

13ª SP-Arte
Tomoko Kashiki – Ota Fine Arts

 

13ª SP-Arte
Mariko Mori – Scai the bathhouse

 

13ª SP-Arte
Mariko Mori

 

13ª SP-Arte
Alvaro Seixas

 

13ª SP-Arte
Damian Ortega – White Cube

 

13ª SP-Arte
Antonio Bokel – Mercedes Viegas

 

13ª SP-Arte
Tomie Ohtake – Galeria Nara Roesler

 

13ª SP-Arte
Falves Silva

 

13ª SP-Arte
Lothar Baumgarten – Marian Goodman Gallery e Galleria Franco Noero

 

13ª SP-Arte
Jacqueline Terpins – Vaso Samba

 

13ª SP-Arte
Jacqueline Terpins

 

13ª SP-Arte
Fernando e Humberto Campana – Firma Casa

 

13ª SP-Arte
Fernando e Humberto Campana – Firma Casa

 

13ª SP-Arte
Tarsila do Amaral – by Kamy

 

13ª SP-Arte
Tarsila do Amaral – by Kamy

 

13ª SP-Arte
Lucas Lenci – Fotospot

 

13ª SP-Arte
Frank Ammerlaan

Imagens: ©Cortesia SP-Arte

 

SP-Arte/2017 na Bienal
5 a 9 de abril
Horários
Quarta a sábado, 6 a 8 de abril: 13h-21h
Domingo, 9 de abril: 11h-19h

Pavilhão da Bienal
Parque Ibirapuera, portão 3
Avenida Pedro Álvares Cabral, s/n
São Paulo, Brasil
Estacionamento no parque com Zona Azul

Galerias de São Paulo

 

Siga-nos:

pinterest facebook1 instagram2 twitter