Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

A empresa londrina LLI Design liderada pela designer Linda Levene, reformou recentemente uma casa de 7 andares em Highgate Hill, área arborizada e muito desejável de Londres. A residência rendeu ao escritório de arquitetura o prestigiado prêmio de Design de Interiores: UK Property Awards 2017/18 in association with Bentley Motors.

Os proprietários ambicionavam uma casa contemporânea, embora receassem que essa pudesse ficar fria e impessoal. A chave para o sucesso foi repensar a dinâmica e alterar os layouts de todos os espaços.

Com aproximadamente 350 metros quadrados, distribuídos em sete andares, a casa era vertical demais! Para mim é impossível imaginar que uma casa com sete pavimentos possa ser funcional. Uma escadaria central unia todos os andares. Os quartos pareciam desconectados um do outro, a iluminação era ineficiente e os ambientes sombrios. LLI Design aceitou o desafio e converteu os antigos e inóspitos espaços em ambientes coloridos, acolhedores e harmoniosos.

A família dispunha de uma grande coleção de pôsteres vintage e gostaria que eles ocupassem um lugar de destaque na residência. Esse foi o ponto de partida que permitiu aos designers formar um pano de fundo gráfico nos ambientes.

Foram acrescentadas claraboias e janelas que vão do piso ao teto, o que melhorou muito a iluminação da residência. A cozinha existente ficava no segundo andar. Com a reformulação foi para o primeiro piso da propriedade e passou a ter acesso ao terraço e jardim por meio de portas deslizantes. Ficou leve e arejada.

O segundo andar, onde originalmente ficava a cozinha, foi destinado à sofisticada lavanderia, que ganhou marcenaria em laca branca fosca e azul noite, além de papel de parede Clouds da Cole & Son Fornasetti.

O living ficou no terceiro andar. A lareira existente foi removida e substituída por outra, feita sob medida, em Pietra Serena. As suítes dos filhos foram para o quarto andar, onde o lúdico foi incorporado aos espaços com maestria. A suíte master existente no quinto pavimento apresentava um quarto com grandes dimensões e banheiro privativo e closet muito pequenos. Foi reconfigurada, diminuindo o tamanho do quarto e aumentando significativamente o tamanho do banheiro e closet, o que proporcionou aos proprietários um ambiente mais luxuoso.

A automação residencial foi um importante elemento do projeto, particularmente por ser uma casa onde a circulação vertical em todo o edifício é constante e vários andares seriam utilizados simultaneamente. Iluminação, temperatura e som foram personalizados para cada ambiente. Alto-falantes embutidos no teto e alto-falantes externos no jardim e terraços, permitiram que diferentes músicas fossem reproduzidas em cada um dos espaços, controlados apenas por dispositivos como um iPhone ou iPad. Confira:

 

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill
Central de automação residencial

Casa em Highgate Hill

Casa em Highgate Hill

Linda Levene

Imagens: Rick Mccullagh – LLI Design

 

Siga-nos:

pinterest facebook1 instagram2

 

 

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Este apartamento localizado em São Paulo, capital econômica da América Latina, foi totalmente remodelado pelo estúdio de arquitetura Coletivo Arquitetos. O maior desafio apresentado aos profissionais Cesar Coppola e Daniela Coppola foi o de transformar um espaço neoclássico em contemporâneo.

Os novos proprietários, um jovem casal que nutre uma grande paixão pela arte e natureza, buscava espaços que estivessem em sintonia com seus estilos de vida.

A premissa básica do projeto era: “Viver com arte e jardim”.
O apartamento foi totalmente repensado. Paredes foram derrubadas e o interior foi reorganizado para proporcionar uma maior integração e fluxo entre os espaços. Um jardim com árvores frutíferas foi criado na sacada do apartamento, o que trouxe uma atmosfera descontraída e relaxante, além de criar uma transição suave para a urbana e vibrante paisagem de São Paulo.

Uma seleção primorosa de obras dos artistas contemporâneos Alex Katz, Vik Muniz, Abraham Palatinik, Ernesto Neto, Janaina Tschape, Leda Catunda, Nazareno, Alex Prager, Jeff Koons e Ron Galella, enriquecem a decoração dos espaços.

Uma abertura na estrutura de concreto leva a uma adega com paredes em acrílico. Esferas luminosas da Bocci, estão presentes na vegetação da sacada. Os proprietários adoram esferas e elas podem ser vistas em todo o apartamento.
Eu também adoro! Para mim, as formas arredondadas, quebram o excesso de linhas retas nos ambientes contemporâneos e criam um design mais delicado e harmonioso.
Confira:

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Apartamento em SP

Imagens: Rui Teixeira

 

Lion’s View – Uma Casa na Cidade do Cabo

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

O premiado estúdio de design de interiores ARRCC, que foca os seus projetos no design minimalista, nos detalhes e materiais luxuosos, renovou recentemente a Lion’s View, uma casa contemporânea localizada na Cidade do Cabo, originalmente projetada pela SAOTA.

O maior desafio para o estúdio foi o de reescrever a linguagem arquitetônica da residência, projetada há mais de uma década. Os clientes desejavam mais acomodações e um novo andar precisaria ser erguido, o que mudaria significativamente, a fachada do imóvel. O resultado final agradou tanto aos novos proprietários quanto ao ARRCC, que temia descaracterizar a obra projetada pela SAOTA.

A entrada desta casa contemporânea está posicionada na parte de trás da propriedade. As paredes arredondadas do vestíbulo fluem, abraçando o design curvilíneo da estrutura. Simultaneamente, desvendam magníficas vistas para o mar e para uma convidativa sala de almoço com abordagem futurista. Destaque para as cadeiras Knoll Platner e acessórios de luz de mercúrio da Artemides Skydro Soffitti.

A opulência está presente em todos os espaços da residência. Um elevador e uma escadaria circundante de vidro e aço se sobressaem no living. Um pingente com design circular, complementa a elegância do ambiente.
No segundo andar, uma passagem curva leva à suíte master, cujo destaque é a banheira, que foi estrategicamente instalada, para permitir vistas de 180° sobre o oceano. O terceiro andar que foi adicionado à estrutura já existente, acomoda um escritório, uma academia de ginástica e um spa. Vistas inigualáveis tiram o fôlego dos moradores e visitantes.

O mobiliário utilizado segue o estilo de design contemporâneo. Mármore branco, granito, aço inoxidável escovado e bronze, fazem contraste com o branco que está presente em toda a casa.
Confira abaixo imagens de Lion’s View, belíssima casa localizada na Cidade do Cabo:

 

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town
Cadeiras Knoll Platner

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

Lion’s View - A House in Cape Town

ARRCC
109 Hatfield St, Gardens, Cape Town, 8001

Imagens: Adam Letch

Siga-nos:

pinterest facebook1 instagram2 twitter

 

Lofts Royalty Mews by March & White

March & White é uma eminente casa de design localizada em Londres. Foi criada em 2010, pelos arquitetos e designers de interiores Elliot March e James White, uma dupla criativa, dedicada à elaboração e composição arquitetônica de forma inteligente, emocional e requintada. Recentemente, inauguraram um estúdio em Nova York e outro em Los Angeles, ambicionando uma carreira global.

Redefinindo estilo elegante e atemporal, March & White apresentam seu mais novo projeto em colaboração com o renomado artista Adam Dant: Royalty Mews.

Localizado no centro de Londres, em um autêntico edifício industrial, constitui um clássico do Soho Heritage. O prédio existente foi transformado pelos arquitetos, em quatro luxuosos apartamentos, com tamanhos variando entre 86 e 163 m².

Afastando-se do clichê óbvio de loft, cunharam o termo Elegance with an Edge, explorando a ideia de um lugar que muda à medida que a noite desce, uma ilusão, um deleite visual. A peça de arte escultural polida assinada por Adam Dant é imponente, intrigante e ambígua. A escada externa também faz parte da linguagem arquitetônica do Soho. Cada loft dispõe de um belo e íntimo jardim de inverno.

Para March & White estes apartamentos de luxo contemporâneo, definem a ideia de lofts boutique. Elegância e qualidade evocam a energia do rock and roll, que já é marca registrada dos projetos assinados pela dupla de arquitetos.
Confira:

Lofts Royalty Mews by March & White

Lofts Royalty Mews by March & White

 

Lofts Royalty Mews by March & White

March & White

 

 

Apartamento Avenue Marceau por Gérard Faivre

Gérard Faivre

“Eu não sou nem arquiteto, nem decorador, nem profissional imobiliário.”, afirma o sexto melhor designer de interiores do mundo, Gérard Faivre.
Sua profissão ainda não foi inventada e, por essa razão, Faivre torna-se único no mercado imobiliário internacional de luxo. Mesmo com variações no design, todos os imóveis de sua autoria, têm algo em comum: estão prontos para morar. Os novos proprietários precisam apenas embalar seus pertences pessoais e tomar posse do imóvel adquirido.

Recentemente adicionado ao seu portfólio, este apartamento de aproximadamente 270 m², localizado em Paris, na Avenue Marceau, a poucos metros do Arco do Triunfo, ocupa todo o quarto andar do edifício em que está inserido. O imóvel tem vista para o leste e oeste e é inundado pela luz solar durante todo o dia.

Alguns poucos afortunados, cansados de morar no Brasil, podem adquirir este luxuoso apartamento. A França não oferece barreiras para compra de imóveis por estrangeiros. Para adquirir um apartamento em solo francês, você não precisa ter visto para entrar no país e nem ter cidadania francesa. O processo de compra e os trâmites legais são um pouco diferentes do Brasil, logo, é aconselhável que procure os serviços de um advogado e contrate um contador para lhe ajudar com a transação imobiliária.

O luxuoso apartamento oferece três suítes, três salas e uma elegante cozinha em mármore. Os tons cinzentos usados no mobiliário e nas paredes, equilibram a ousadia de alguns componentes, como os tapetes, a pintura no teto e o mármore da lareira. Eu, particularmente, tentaria uma barganha, caso fosse adquirir o imóvel, simplesmente porque, prefiro espaços mais limpos e minimalistas, embora, o dinamismo e o brilho do projeto resida exatamente nesta arrojada combinação de estilos.

Destaque para os pendentes criados por Tom Dixon, sofás Don Ignacia, escultura em bronze (acima da lareira) Parfum de Arnaud Kasper e para as cadeiras Molteni: Jackie de Gallotti & Radice da sala de jantar, redesenhada por Gérard Faivre com tecido da Dedar.
Confira:

Gérard Faivre

Gérard Faivre

 Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

GFSalle a Manger-1

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre
Wala Luna por Hollander

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

Gérard Faivre

GF74 Av Marceau-28

sales@gerardfaivreparis.com
Imagens: Mathieu Fiol

 

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar