Casa Cor SP 2016

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

A 30ª edição Casa Cor SP, (maior mostra de arquitetura, decoração e paisagismo das Américas), acontece novamente, no Jockey Club de São Paulo, desde o dia de 17 de maio e permanece até o dia 10 de julho de 2016.
Este ano, o prédio do Ambulatório do Jockey, construído no início do século 20 pelo arquiteto francês Henri Paul Pierre Sajous, foi totalmente restaurado para receber a Casar Cor SP.
Confira abaixo alguns dos espaços da Mostra:

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Roberto Migotto – “Tributo aos 30”

Roberto Migotto, um dos mais famosos arquitetos brasileiros, celebra seus 30 anos de profissão, na Casa Cor SP.
O espaço projetado por Migotto é dividido em dois ambientes: Living e escritório, separados por um elegante hall.
Materiais como o mármore, madeira clara e veludo; tons em nude e branco, além de dois enormes quadros tridimensionais, acrescentaram sofisticação e delicadeza ao ambiente.

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto-

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Casa Cor São Paulo 2016 - Roberto Migotto

Bruno GAP – Cinema em Casa

“A Casa Cor São Paulo é o único momento em que eu posso ser cliente”, brinca o talentoso e jovem arquiteto Bruno GAP, quando questionado sobre o estilo de seu projeto. Em um ambiente de 35 m², Bruno misturou inspirações da Escandinávia, como o uso da madeira clara no piso e o minimalismo marcado por linhas retas, com as cores que mais aprecia: preto, branco e cinza. Sem dúvidas, um dos grandes destaques da Casa Cor 2016.

Casa Cor São Paulo 2016 - Bruno GAP

Casa Cor São Paulo 2016 - Bruno GAP

Casa Cor São Paulo 2016 - Bruno GAP

Casa Cor São Paulo 2016 - Bruno GAP
Imagens – Rafael GAP

Espaço Deca – Marina Linhares

Patrocinadora master da CASA COR há 23 anos, a Deca surpreende os visitantes com o seu ambiente assinado por Marina Linhares, que traz referências da Bauhaus – escola de design alemã – e obras de arte, como principais características do projeto.
Trata-se de uma área de 200m², dividida em sete ambientes: suíte máster, banho, área de exposição, living, sala de jantar, gourmet e deck. Um espaço conceitual, que esbanja sofisticação por meio de linhas retas, pelo uso de grandes vãos e obras de arte dispostas no local.
Tanto a área gourmet quanto a de banho são funcionais e contam com a tecnologia e design dos produtos Deca.
A arquiteta optou por uma paleta com tons de preto, cinza, rosa e verde claro, destacando em seu espaço os contrastes propostos pela tecnologia dos acabamentos D.Coat, que incentivam a combinação de texturas e cores na linha Deca de metais.
Contribuindo para o projeto de gestão de sustentabilidade, Marina Linhares utiliza telhas e paredes com isolantes térmico e acústico, iluminação LED, sistema de reuso de água, madeira de reflorestamento, marcenaria e piso externo em Pinus, lareira ecológica, tintas a base de água, além de itens Deca que garantem a economia de água.

Casa Cor São Paulo 2016 - Deca - Marina Linhares

Casa Cor São Paulo 2016 - Deca - Marina Linhares

Casa Cor São Paulo 2016 - Deca - Marina Linhares

Casa Cor São Paulo 2016 - Deca - Marina Linhares

Casa Cor São Paulo 2016 - Deca - Marina Linhares

Casa Cor São Paulo 2016 - Deca - Marina Linhares

Casa Cor São Paulo 2016 - Deca - Marina Linhares

Casa Cor São Paulo 2016 - Deca - Marina Linhares
Imagens: Rafael Renzo

Yamagata Arquitetura

Paz, calmaria, design e ergonomia neste ambiente urbano, atemporal e com forte influência nipônica. Assim, a unidade batizada de “Shoji 04” se desenvolve em 84 m² que remetem aos pequenos e aconchegantes espaços do Japão, mas sem folclores étnicos e poderia estar inserido em qualquer cidade cosmopolita.
Um grande volume de madeira com banheiro, cozinha e quarto, organiza o projeto espacialmente, deixando a luz entrar generosamente, em conexão com os preceitos de sustentabilidade e natureza.
A delicadeza da arquitetura japonesa e os painéis de shoji, usados para setorizar e dividir as áreas nas casas orientais, foram algumas das referências para a formatação deste volume. A filosofia estética oriental do Wabisabi, onde a beleza das imperfeições é altamente valorizada, também estão presentes neste oásis metropolitano que utiliza elementos industriais como as lajes de concreto e paredes patinadas pela ação do tempo.

Casa Cor São Paulo 2016 - Yamagata Arquitetura

Casa Cor São Paulo 2016 - Yamagata Arquitetura

Casa Cor São Paulo 2016 - Yamagata Arquitetura

Casa Cor São Paulo 2016 - Yamagata Arquitetura

Casa Cor São Paulo 2016 - Yamagata Arquitetura

Casa Cor São Paulo 2016 - Yamagata Arquitetura

Casa Cor São Paulo 2016 - Yamagata Arquitetura

 Casa Cor São Paulo 2016 - Yamagata Arquitetura

Casa Cor São Paulo 2016 - Yamagata Arquitetura

Casa Cor São Paulo 2016 - Yamagata Arquitetura

Biblioteca do Barista – Olegário de Sá e Gilberto Cione

Paixão nacional, o café serviu de inspiração para que o arquiteto Olegário de Sá e o designer de
interiores Gilberto Cioni criassem a Biblioteca do Barista, espaço de experimentação onde o anfitrião pode receber confortavelmente os amigos e a família para tornar a degustação da bebida um momento único. Repleto de livros e obras de arte contemporâneas, o ambiente é propício para encontros formais ou informais. “Criamos uma atmosfera intimista e
tipicamente masculina, brincando com a sobreposição de cores intensas sobre nuances de cinzas”, explica Olegário. Peças importantes executadas com cobre e metal dourado conferem sofisticação à decoração. “Pensado para um cidadão cosmopolita, esse projeto poderia estar em metrópoles como São Paulo, Milão ou Nova York”, completa.
Máquinas de café servem a bebida aos visitantes durante toda a mostra.

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

 

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Casa Cor SP 2016 - Olegário de Sá e Gilberto Cione

Leo Romano – Casa Braille
A superfície recebe elementos tridimensionais, nos remetendo ao universo do braile. A significação tátil em pontos de relevo é própria do sistema de escrita e leitura desenvolvido para os deficientes visuais.

Casa Cor SP 2016 - Leo Romano

Casa Cor SP 2016 - Leo Romano

Casa Cor SP 2016 - Denise Barreto
Denise Barreto

Casa Cor São Paulo 2016 - Denise Barreto

Casa Cor São Paulo 2016 - Denise Barreto

Casa Cor São Paulo 2016 - Denise Barreto

Casa Cor São Paulo 2016 - Denise Barreto

Casa Cor São Paulo 2016 - Denise Barreto

Casa Cor SP 2016 - João Armentano
João Armentano
Casa Cor SP 2016 -MarinaLinhares
Marina Linhares
Casa Cor SP - André Carício
André Carício
Casa Cor SP - Roberto Moreira do Vale
Roberto Moreira do Vale
Casa Cor SP - Moacir e Sálvio
Moacir e Sálvio
Bia Zamperlini e Mariana Zimmermann
Bia Zamperlini e Mariana Zimmermann
Casa Cor SP - Patricia Haggobian
Patricia Haggobian
Casa Cor SP - MariliaPellegrini
Marília Pellegrini
Casa Cor SP 2016
Roberto Cimino e Nelson Amorim
Casa Cor SP - Lu Kraimer
Lu Kraimer
Casa CorSP - Fábio Morozini
Fábio Morozini
Casa Cor SP - Studio 011
Studio 011
Casa Cor SP - Michele Luz
Michele Luz
Casa Cor SP - Joana Requião
Joana Requião

Área Externa

Casa Cor SP - Marcelo-Faisal
Marcelo – Faisal
Casa Cor SP - Michel Farah
Michel Farah
Casa Cor SP - Alex Hanazaki
Alex Hanazaki
Casa Cor SP - René Fernandes
René Fernandes
Casa Cor SP - Pessuto Paisagista
Pessuto Paisagista

Casa Cor 2016
Local: Jockey Club de São Paulo
Endereço: Avenida Lineu de Paula Machado, nº 775, Cidade Jardim – São Paulo, SP
Data: 17 de maio a 10 de julho
Horário: Terça a quinta, das 12h às 21h; Sexta, sábado e feriados, das 12h às 21h30; Domingo, das 12h às 20h

Ingressos

De terça a quinta-feira
Ingresso inteiro: R$ 52,00
Ingresso de estudante: R$ 26,00
Ingresso senior (para pessoas com 60 anos ou mais): R$ 26,00

Sexta, sábado, domingo e feriados
Ingresso inteiro: R$ 65,00
Ingresso de estudante: R$ 32,50
Ingresso sênior (para pessoas com 60 anos ou mais): R$ 32,50

Passaporte único: R$ 150,00
Valet: R$ 25,00

 

 

 

Conheça os Jardins de Christian Préaud

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud, paisagista,  arquiteto, pintor e jardineiro, acredita que um paisagista do século 21, deva ter uma visão holística no momento da criação de seus jardins.
Deve haver consonância entre o paisagismo e o local onde este será inserido. “Não podemos, simplesmente, criar um Jardim Italiano Renascentista, sem pensar em mais nada.” afirma o arquiteto-paisagista.

Préaud nasceu em Paris e passou a infância em Marrocos, Paris e Versalhes.
A paixão pelos jardins veio da observação de sua avó trabalhando a terra.
Cursou arquitetura na ESA Paris e paisagismo na École Nationale Supérieure du Paysage de Versailles em 2001.

Atualmente vive entre Marnes la Coquette e Barcelona. Cria jardins privados na França, Suíça, Marrocos, Oriente Médio e Ásia, mas também trabalha como arquiteto na construção, renovação, projetos de design de interiores e planejamento urbano.

Préaud sempre utiliza linhas retas e limpas para criar jardins que dão continuidade ao espaço privado, respeitando a identidade do lugar, seja ele contemporâneo ou arcaico.
Primoroso, domina a arte de misturar tons – tanto na escolha das plantas como nos materiais decorativos – obtendo o que foi solicitado por cada cliente, jardins em tons pastel, monocromáticos ou coloridos.

Segundo o poético paisagista:  “Maturidade significa estar em harmonia com a terra, estações, velocidade lenta e com o esplendor da vida que irrompe de um jardim. O Jardim do Éden é uma meta inalcançável e nada poderá ser comparado a ele, mas nós podemos tentar recriar o paraíso aqui na terra.”

“É o que eu faço que me ensina o que eu procuro. ”
Pierre Soulages

Confira abaixo, a  delicadeza, presente em seus belíssimos jardins:

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

 Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

 Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud - Tempo da Delicadeza

Christian Préaud

 

Os Sofisticados Jardins de Quincy Hammond

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

Quincy Hammond  pertence à terceira geração de arquitetos paisagistas e quando criança adorava passar os verões com seu avô, para aprender um pouco mais sobre as plantas.
Graduou-se summa cum laude pela Universidade da Geórgia, e ficou oito anos no escritório de paisagismo Hollander Design, em Manhattan.
Atualmente a arquiteta paisagística possui escritórios na Geórgia e em Nova York.
Estou completamente apaixonada pelo trabalho de Quincy Hammond. Preciso, elegante e sofisticado!
Adoro jardins formais, estilo em que Quincy é especializada.
Para mim os jardins mais bonitos são os minimalistas e simétricos, com algumas topiarias e pontuado por poucas flores, preferencialmente brancas, para que façam um bonito contraste com o verde que na minha opinião, deve ser dominante.
Confira os belíssimos jardins, abaixo:

Flagship Abercrombie & Fitch, Paris, France

Quincy Hammond foi a responsável por este magnífico jardim da Abercrombie & Fitch Flagship, localizado em Paris.

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

Quando as portas se abrem visualiza-se um belíssimo mural pintado à mão.

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

Aparelhos mecânicos e estruturais são habilmente escondidos dentro do projeto.

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

Planos e volumes são reforçados pela contrastante pavimentação em  limestone.

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Flagship Abercrombie & Fitch, Madri, Espanha

Dois anos após a construção em Paris, a empresa Abercrombie & Fitch solicitou a Quincy que desenhasse o jardim de sua filial em Madri. As instruções eram que, ele deveria ser menor e dar a impressão de um jardim secreto.

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Em uma pérgola de metal ergue-se uma perfumada e delicada jasmim brilhante, que dá boas-vindas a quem chega!

 

East Hampton, New York

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

Um carvalho reina sobre um canto da propriedade, enquadrado por uma margem de louros e azáleas.

 

Southampton, New York

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond | Tempo da Delicadeza

 

Quincy Hammond
Quincy Hammond.

Visite:  Quincy Hammond

 

 

Salvar

Salvar

Peter Fudge – criador de espaços etéreos

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Reconhecido como um dos melhores paisagistas  da Austrália,  Peter Fudge Gardens nutre uma forte paixão por espaços ao ar livre onde predominem a simplicidade a moderação e o equilíbrio.
Para obter tal resultado o paisagista utiliza elementos intemporais como pedra, vidro, madeira e água e os combina de forma holística, criando elegantes espaços externos.
Sou uma grande admiradora do trabalho de Peter Fudge. Adoro jardins formais, geométricos e simétricos. Acho que as esculturas – desde que bem escolhidas – agregam charme à área externa. Buxinhos, hera e flores brancas também não podem faltar em um jardim elegante.
Confira abaixo imagens idílicas e inspire-se:

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Peter Fudge Gardens | Tempo da Delicadeza

Visite: peterfudgegardens

 

Elegante jardim Belga

Stylish garden | Tempo da Delicadeza

Stylish garden | Tempo da Delicadeza

Este jardim foi criado por Ludo Dierckx,  paisagista belga, para um cliente de Rotterdam, na Holanda .
O uso de flores brancas, juntamente com a lavanda e buxinhos transmitem elegância ao projeto.
O contraste dos toldos pretos harmoniza-se com a casa que é branca e com as pedras escuras, oferecendo uma visão agradável de todo o espaço exterior.
Confira:

Stylish garden | Tempo da Delicadeza

Stylish garden | Tempo da Delicadeza

Stylish garden | Tempo da Delicadeza

Stylish garden | Tempo da Delicadeza

Stylish garden | Tempo da Delicadeza

Stylish garden | Tempo da Delicadeza

Imagens:  homesweethome