Primeiro aniversário do Tempo da Delicadeza

Tempo da Delicadeza

Hoje é o primeiro aniversário do Tempo da Delicadeza!
Vivemos em um mundo globalizado e é surpreendente saber que, de dentro da minha casa, chego até vocês que estão nos mais diversos lugares deste mundo e posso garantir que isto tem trazido muita alegria para a minha vida!
Ao longo deste ano muitas coisas aconteceram! Muito foi compartilhado! Muitas foram as delicadezas recebidas!
Muito obrigada, queridos leitores!
Frida.

Parabéns, São Paulo



Hoje São Paulo completa 460 anos.
A cidade de São Paulo, além de ser uma das principais do país, também acolhe todos aqueles que desejam e buscam novas oportunidades que, em alguns casos, só a grande metrópole pode oferecer.
Mas São Paulo é muito mais que uma cidade de oportunidades, é também uma cidade de contrastes gritantes.
São Paulo é intensa; superlativa! Abriga a melhor universidade da América Latina (USP), possui 20 mil bares, 15 mil restaurantes, 164 teatros, 146 bibliotecas, 53 shoppings.
Amada e odiada, charmosa e banal.
Para muitos sinônimo de solidão, poluiçao, arranha-céus e engarrafamentos sem fim.
Mas também sinônimo de efervescência cultural, diversidade gastronômica e meca do consumo.
Como viver sem São Paulo?

Christmas Time

Tempo da Delicadeza

Incrível, mas já é quase Natal!
E você pode trazer esta magia para dentro de sua casa de uma maneira sutil ou ostensiva.
Basta pendurar uma bonita guirlanda na porta de entrada, para dar boas vindas à quem chega, e até mesmo pendurá-la sobre um espelho, o que produz um efeito magnífico! Faça um arranjo com bolas coloridas e coloque-o sobre algum móvel ou aparador, use e abuse de toalhas de lavabo e guardanapos de coquetel com motivos natalinos, enfim… qualquer coisa que sinalize que estamos em  época de celebrações!
Agora se você gosta mesmo é de uma decoração mais ousada, enfeite tudo, dos jardins aos lustres; monte árvores gigantescas e espalhe milhões de Papai Noel por todos os cantos.
Tenho uma amiga que faz exatamente isto, e eu apesar de preferir uma decoração mais clean e minimalista, acho maravilhoso todo este clima criado por ela, pois reflete a sua personalidade e toda a alegria que ela sente no mês de dezembro. Alegria que pode ser percebida na delicadeza em que  recebe suas amigas com espumantes sempre na temperatura exata!
Espumantes estes, que ficam inigualáveis em sua casa.

Tempo da Delicadeza

Tempo da Delicadeza
Tempo da Delicadeza

Tempo da Delicadeza

Tempo da Delicadeza

Hotel Four Seasons,  Paris

Tempo da Delicadeza
Tempo da Delicadeza

Tempo da Delicadeza

Tempo da Delicadeza

Tempo da Delicadeza

Tempo da Delicadeza

Tempo da Delicadeza

Salvar

Casa do Passadiço, sofisticação e elegância

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Sofisticação e elegância caracterizam os projetos assinados pela Casa do Passadiço.
A casa pertencente à Família Rosas foi totalmente restaurada nos anos 90. O edifício é uma casa senhorial do século XVIII no centro histórico de Braga, Portugal, onde foi mantida com o traço arquitetónico original, sendo hoje considerada uma referência histórica da cidade.
A mãe, Catarina Rosas, começou a dedicar-se à decoração de interiores em 1992, quando abriu as portas da Casa do Passadiço, com um Showroom repleto de ambientes contemporâneos.
Após terminarem os estudos, as filhas Cláudia e Catarina Soares Pereira, juntaram-se à mãe em tempo integral.
Os ambientes criados pelo trio são atuais, cosmopolitas e elegantes. Qualidade e funcionalidade são elementos fundamentais na criteriosa escolha dos tecidos, móveis, tapetes, arte contemporânea, iluminação e acessórios.
Sempre acompanhando as últimas tendências internacionais, seus projetos resultam em espaços equilibrados, requintados e simultaneamente luxuosos.
Tons de cinza são usados com frequência pelas decoradoras, o que traz sobriedade e requinte aos ambientes.
Outro aspecto que me chamou a atenção foi a delicadeza e minúcias dos detalhes.
A seguir algumas imagens de ambientes criados por esta talentosa equipe:

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza
Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza

Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza
Casa do Passadiço
Casa do Passadiço - Tempo da Delicadeza
As elegantes Catarina Rosas, Cláudia e Catarina Soares Pereira.

Imagens: Cortesia Casa do Passadiço.
www.casadopassadico.com/

Richard Avedon’s Women

Richard Avedon
Jean Shrimpton, Dress by Oscar de La Renta.
Richard Avedon
Veruschka, dress by Bill Blass, New York, January 1967

Como homenagem ao fotógrafo Richard Avedon a “Gagosian Gallery” em colaboração com a Fundação Richard Avedon, promove a Exposição Itinerante Avedon’s Women, uma seleção de fotografias dos anos 60 e 70, concentrando-se, especificamente em imagens de mulheres em movimento, uma marca das fotografias de moda de Avedon.

Avedon’s Women fica em cartaz até o dia 21 de dezembro na Galeria Gagosian de Beverly Hills LA  e  é um dos eventos imperdíveis deste ano.
Ícone da fotografia do século 20 e um dos dez maiores fotógrafos do mundo, Richard transmitia às suas fotografias, nuances melancólicas. As mulheres retratadas por Avedon eram únicas, especiais, donas de uma aura capaz de congelar o espectador do outro lado da imagem.

“Se passar um dia sem que eu faça alguma coisa relacionada à fotografia, é como se eu tivesse negligenciado algo essencial para minha existência, como se eu tivesse esquecido de
acordar “, disse Avedon em 1970.
Abaixo,  algumas fotografias do fotógrafo que são as minhas favoritas:

Richard Avedon
Jean Shrimpton – Paris – 1965
Richard Avedon
Antonella Agnelli
Richard Avedon
Barbra Streisand by Richard Avedon, 1965
Richard Avedon
Dolores Guinness
Richard Avedon
Truman Capote by Richard Avedon
Richard Avedon
Jean Shrimpton
Richard Avedon
Dolores Guinness

Richard Avedon

Richard Avedon

Richard Avedon
New York, September 1962
Richard Avedon
Catherine Deneuve, 1968.
Richard Avedon
Richard Avedon

Imagens: Pinterest

Salvar